Exportações do agronegócio recuam 23,2% em fevereiro

Queda de preços e retração nos embarques de soja impactaram resultado, afirma Mapa

As exportações do agronegócio brasileiro atingiram US$ 4,90 bilhões em fevereiro de 2015, queda de 23,2% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram negociados US$ 6,39 bilhões.

Apesar da queda, o setor apresentou saldo positivo em fevereiro deste ano, com US$ 3,70 bilhões. No acumulado do ano, o saldo da balança comercial foi de US$ 8,1 bilhões.

Em nota, a secretária de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SRI/Mapa), Tatiana Palermo,  explicou que a queda generalizada dos preços médios de exportação dos principais produtos do agronegócio brasileiro continua a impactar negativamente as exportações. “Além disso, forte diminuição dos embarques de soja em grão, em especial para a China, contribuiu para a queda das exportações de fevereiro”, disse.
Mas, de acordo com Tatiana, a Ásia deve retomar em breve o ritmo de crescimento nas importações do agronegócio brasileiro. Isso porque a China busca estimular o consumo e a formação de estoques internos. “O Mapa vem intensificando negociações sanitárias com o país asiático, que devem contribuir para um aumento das exportações de carne brasileira ao seu mercado”, comentou.
A Rússia também reduziu as compras de produtos brasileiros, especialmente carne bovina. “Embora a situação econômica do país e o comportamento atual do rublo (moeda russa) ainda gerem algum nível de preocupação, é possível prever um horizonte de melhoria das exportações brasileiras em virtude das sanções aplicadas por outros países ou blocos exportadores”, salientou a secretária.

A secretária ressaltou ainda que, nos dois primeiros meses do ano, a Rússia importou, do mundo todo, 44% a menos em alimentos. Com isso, a expectativa é de que as compras de alimentos realizadas pelo país cresçam nos próximos meses e, consequentemente, que o Brasil aumente suas exportações para a Rússia.”

Entre os produtos que registraram aumento de vendas estão os animais vivos, que tiveram aumento de 75,3% e a carne bovina, que subiu 7%.
Entre os países que ampliaram as importações de produtos brasileiros estão: Espanha (+37,%); Bélgica (+29,8%); Indonésia (+29,4%); Alemanha (+26,3%); Vietnã (+23,3%); França (+20,3%) e Estados Unidos (+15,1%).
Ano – Entre março de 2014 e fevereiro de 2015, as exportações do agronegócio brasileiro somaram US$ 95,04 bilhões. O complexo soja foi o setor que mais se destacou nas vendas externas, com US$ 30,38 bilhões. Em segundo lugar ficou o setor de carnes, com US$ 16,94 bilhões, seguido pelo complexo sucroalcooleiro, que somou US$ 9,99 bilhões.
Em relação às exportações para blocos econômicos e regiões geográficas, cabe ressaltar a importância da Ásia, região que, sozinha, adquiriu 40,7% do valor total das exportações do agronegócio brasileiro, somando US$ 38,71 bilhões em aquisições.

Fonte: Portal DBO

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s